Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

English Español
A- A+

Matriz de insumo-produto

Matriz de insumo-produto: Brasil 2000/2005



A nova série do Sistema de Contas Nacionais, divulgada em 2007, passou a incorporar, integralmente, os resultados de pesquisas agropecuárias, como o Censo Agropecuário 1995-1996, de pesquisas econômicas anuais nas áreas de Indústria, Construção Civil, Comércio e Serviços, e de pesquisas populacionais, como a Pesquisa de Orçamentos Familiares 2002-2003, entre outras investigadas pelo IBGE. Além das informações internas, foram utilizadas, também, informações anuais de outras Instituições, como a Declaração de Informações Econômico-Fiscais da Pessoa Jurídica, obtidas pela Secretaria da Receita Federal. Esta nova série tem como referência inicial o ano 2000 e caracteriza-se pelo maior detalhamento de atividades econômicas e produtos para as Tabelas de Recursos e Usos, e de setores institucionais para as Contas Econômicas Integradas.

Dando continuidade ao aprimoramento do Sistema de Contas Nacionais, o IBGE divulga, nesta publicação, a Matriz de Insumo-Produto para os anos 2000 e 2005, cujos resultados proporcionam uma visão detalhada da estrutura produtiva brasileira e permitem avaliar o grau de interligação setorial da economia bem como os impactos de variações na demanda final dos produtos, nos respectivos períodos de referência, mediante a identificação dos diversos fluxos de produção de bens.

Os resultados, apresentados para 12 atividades econômicas e 12 produtos, são precedidos de informações metodolgicas sobre o modelo no qual o IBGE baseou-se para o cálculo das matrizes de coeficientes técnicos para 2000 e 2005, bem como sobre os procedimentos utilizados na adaptação de sugestões tericas à realidade brasileira. O CD-ROM que acompanha a publicação contém, além das informações do volume impresso, tabelas com resultados para 55 atividades econômicas e 110 produtos.