Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística

English Español
A- A+

Conta-Satlite de Sade Brasil

Conta-Satlite de Sade Brasil - 2005-2007



A sade, habitualmente, no tratada como uma atividade econmica pelos profissionais da rea. Esse tipo de anlise, porm, fundamental tanto para o conhecimento da estrutura produtiva e da dinmica do setor - incluindo seu financiamento, inter-relaes com o resto da economia e destinao dos bens e servios produzidos - quanto para a formulao e implementao de polticas com vistas ao aumento da eficincia na aplicao dos recursos pblicos e melhor distribuio dos bens e servios de sade populao.

Visando oferecer um panorama dos recursos e usos da sade no Brasil, o IBGE divulgou, em 2008, o estudo Economia da sade: uma perspectiva macroeconmica 2000-2005, no qual foram compilados e sistematizados dados sobre a produo, o consumo e o comrcio exterior dos bens e servios relacionados sade, bem como sobre o emprego e a renda nas atividades que geram esses produtos e a infraestrutura do setor, adotando-se como fonte principal o Sistema de Contas Nacionais. O estudo ento realizado, fruto de esforos interinstitucionais desenvolvidos juntamente com a Fundao Oswaldo Cruz - Fiocruz, o Instituto de Pesquisa Econmica Aplicada - IPEA, a Agncia Nacional de Sade Suplementar - ANS, e o Ministrio da Sade, dimensionou, pela primeira vez, a participao da sade no conjunto da economia brasileira, e de seu aprimoramento advm a Conta-Satlite de Sade ora divulgada.

Nesta publicao, so descritos, inicialmente, os procedimentos metodolgicos que nortearam a elaborao da Conta-Satlite de Sade e cuja delimitao, tambm baseada na Classificao Nacional de Atividades Econmicas - CNAE 1.0, amplia a cobertura dos dados e, em alguns casos, melhora a desagregao de algumas atividades consideradas naquele enfoque preliminar. A anlise dos resultados, apresentada em sequncia, vastamente ilustrada com tabelas e grficos e contempla, para cada atividade econmica considerada, informaes sobre valor bruto da produo dos bens e servios de sade, insumos consumidos nos processos produtivos, valor adicionado bruto, consumo final de bens e servios de sade, investimentos, salrios, e postos de trabalho, entre outros aspectos, para o perodo 2005-2007. A publicao inclui, ainda, um glossrio com os conceitos considerados relevantes, alm de apndices que detalham a estrutura das Tabelas de Recursos e Usos e apresentam seus resultados, para o perodo 2005-2007, assim como os das Contas Econmicas Integradas, para o perodo 2005-2006.

Esse conjunto de informaes, tambm disponibilizado no portal do IBGE na Internet, possibilita conhecer o perfil das atividades de sade no Brasil nos ltimos anos e contribui para a valorao desse importante segmento econmico.